De Impunidade programada: a 5 de Setembro de 2007 às 16:14
Jobim costurou com Lula para Renan perder hoje, mas depois ser absolvido no plenário

Renan Calheiros planeja entregar o cargo de presidente do Senado. Basta ser declarado oficialmente inocente na votação secreta da próxima semana, em plenário. O Palácio do Planalto já costurou, junto com a maioria do PMDB e da base amestrada, o tão esperado plano de salvação para que Renan seja levemente ferido hoje no julgamento no Conselho de Ética (onde deve ser derrotado), mas saia completamente ileso do próximo julgamento em plenário, que será por voto secreto...


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres