De Anónimo a 20 de Abril de 2007 às 13:58
É a primeira vez que visito o seu blog e fico feliz em saber dos que dedicam o espaço web para divulgar e discutir uma área tão difícil de apoio.

Concordo e destaco os principais pontos do seu artigo. Partindo da premissa que não cabe ao Estado o papel de produtor de cultura e sim organizar, sistematizar e incentivar a cultura do lugar, fiquei muito preocupada com o programa apresentado pelo escritor Ariano Suassuna para 4 anos de secretaria de cultura de Pernambuco. Restrito ao próprio secretário e sua equipe, personalístico porque usa o espaço público para divulgar uma linguagem artística própria. Não configura no âmbito institucional uma política cultural que atenda as demandas da cultura no Estado. Restrito as um projeto pessoal que pretende ser patrocinado pelo Funcultura - o que é mais grave já que o fundo é administrado pelo próprio secretário (SEC), destinado ao incentivo a produção cultural em todas às áreas no Estado. Parabéns pelo artigo!

Um abraço.
Júlia, fotógrafa e pernambucana.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres