39 comentários:
De Lu a 22 de Fevereiro de 2006 às 23:36
É sórdido o emprego meios degradantes em nome da educação.


De Mestre a 22 de Fevereiro de 2006 às 23:53
Santa,
Para quem Não Estudou Por Preguiça o que se pode esperar??


De Stella a 23 de Fevereiro de 2006 às 00:37
será com esses programinhas baratos de compra de voto que fará com que ele seja reeleito.
infelizmente o povo está acostumado com esmolas e não com trabalho.


De Fernando a 23 de Fevereiro de 2006 às 01:04
Isso não é um governo. É uma catástrofe.


De Gusta a 23 de Fevereiro de 2006 às 01:20
É tudo por dinheiro?????????
Bons tempos qdo ser responsável, ético e correto eram prioridades de todos.
Pobre País!!!


De Celina, SP a 23 de Fevereiro de 2006 às 03:27
Santa, bom dia!!

Nunca o País esteve em mãos tão sujas!! Plagiando o presidente "nunca neste País ..."


De Clenira Melo a 23 de Fevereiro de 2006 às 03:33
Santa, este governo dá náuseas. Exploração de jovens analfabetos, famílias desvalidas. Exploração do professor na mais clássica das formas: a exploração de mão de obra barata.


De Anónimo a 23 de Fevereiro de 2006 às 07:45
Santa, minha santa,
É triste o quadro da Educação no governo Lula(não somente nele). Mas, principalmente desalentador, fazer de conta que se alfabetiza quando, na verdade, em 6 meses apenas se pode ensinar a digitar na urna os numerais: um, três e confirma...Essa é a única verdade desse governo. Excluir a título de incluir. O faz-de-conta institucionalizado...
Continuo de férias, mas, sempre passo pelo seu blog, ainda que não comente, claro!
Tudo de bom!
Carlos
www.euodeiolula.blig.ig.com.br


De Saramar a 23 de Fevereiro de 2006 às 09:06
Santa, bom dia.
Nenhuma política educacional, assim como em nenhuma outra área. Tudo o que elle faz envolve assistencialismo.
O único projeto desse governo (?) é comprar os menos favorecidos.

Beijos


De Silvio Vasconcellos a 23 de Fevereiro de 2006 às 09:09
Sempre temos a ilusão que um governo pode mudar um país, que elegendo alguém encontraremos o messias salvador. E eles prometem, prometem... enquanto nós, povo otimista e de boa fé por natureza, fingimos que acreditamos para termos a sensação de que ajudamos a resolver os séculos de atraso em educação e serviços sociais.
Quando o atual presidente foi eleito, mais do que nunca acreditamos no redentor. Passados 3 anos, caímos na realidade de que séculos de escravagismo, coronealismo, latifúndios, capitalismo exploratório, corrupção e enriquecimento do setor financeiro não podem ser resolvidos a canetadas, com leis assistencialistas e fisiológicas. O partido que está no poder aliou-se àquelas elites que combatia, por serem as únicas forças disponíveis para alianças: as prostitutas do poder, que sempre estão na foto de inaugurações e prometendo cestas básicas e empregos.
Também não podemos dizer que dentro do governo só tem mal-feitores e expoliadores. Tem gente séria também, que pensam soluções. Porém, dadas as vicissitudes do poder, essas leis são alteradas pelo congresso picareta e pelos politiqueiros de dentro do governo e de suas alianças, que vão aproveitando o bonde para embarcar suas promessas mediúnicas e assim posarem de santos na próxima eleição.
Desculpe, Santa pelo comentário desmedido.


Comentar post