25 comentários:
De Maria Oliveira a 22 de Dezembro de 2005 às 08:41
Santa, que maravilha!!!Tou aceitando o CD de presente de Natal:)))


De toque a 22 de Dezembro de 2005 às 09:15
O Natal de 95 foi a pior Noite que passei, por motivos que não vem ao acaso revelar aqui. Sabe por quem fui salva?? Por um som que vinha do prédio ao lado.Era nada menos do que uma cantata de Natal deste estupendo padre.Obrigada!!!!


De Anónimo a 22 de Dezembro de 2005 às 09:20
Santa, vc está ensinando mais do que muitos aninhos de escola. Minha ignorância musical doi, não sabia disso, nunca soube. Um abraço fraterno e muita música na sua noite de Natal.


De Blog do Arlan a 22 de Dezembro de 2005 às 09:27
Santa , no meu blog estou divulgando o Pastoril , folguedo. Acho que vai gostar.


De Fernando a 22 de Dezembro de 2005 às 09:34
A todos desejo muita arte neste Natal. Só ela poderá transcender..., transformar mazelas vividas em estado de graça.Abraços.

fernando_lins@bol.com.br


De Mestre a 22 de Dezembro de 2005 às 09:42
Aqui no nordeste, o Natal é em geral pobre. Cantamos loas. Cantoria popular.Dançamos o pastoril, auto de Natal ou o profano, que é a disputa entre o cordão vermelho e azul. Na certa deve ser esta a inspiração de muitos mestres.


De Fabiana a 22 de Dezembro de 2005 às 09:47
Santa, seu blog é a coisa mais chique que conheço, já o meu é uma bagunça:))))


De Marquinho a 22 de Dezembro de 2005 às 10:17
Santa, essa é tipo de informação que só nos cursos de música nas universidades fornecem. O MINC fala de memória musical, mas não vejo um investimento qualquer relacionado a história da música, em especial a música sacra. Obrigado.

www.observatoriodasartes.com.br


De Anônimo 1 a 22 de Dezembro de 2005 às 10:22
Noite feliz, Noite feliz,
O Senhor, Deus de amor,
Pobrezinho nasceu em Belém.
Eis na lapa Jesus nosso bem.
Dorme em paz. O Jesus.
Dorme em paz. O Jesus.

Noite de paz, noite de amor.
Tudo dorme em redor.
Entre os astros que espargem a luz
Indicando o Menino Jesus.
Brilha a estrela da paz.
Brilha a estrela da paz.


De Gorda a 22 de Dezembro de 2005 às 10:24
Santa, guria.
Passei por aqui, puro vício:)) Sei que sempre levarei alguma coisa boa no coração e muita sabedoria. Beijinhos!!!


Comentar post