Segunda-feira, 28 de Setembro de 2009

 

A atuação da diplomacia brasileira no episódio  Honduras e as possíveis soluções para o impasse foram temas no programa Canal Livre, da TV Bandeirantes. O entrevistado Lionel Zaclis faz uma análise da crise sob a luz do Direito. Entrevista completa (vídeo) aqui

 

Segundo o advogado Lionel Zaclis, doutor em direito processual pela Universidade de São Paulo, o que ocorreu em Honduras não pode ser chamado de golpe de Estado, já que o governo interino respeitou a Constituição do país. “Houve a aplicação pura e simples das regras constitucionais. O artigo 237 da Constituição hondurenha é claro e expresso no sentido de que qualquer cidadão – e não faz distinção o artigo – que atentar contra a disposição que veda a reeleição do presidente da República estará violando a Constituição e perderá imediatamente ser cargo”, explicou. Zaclis esclarece ainda que, antes da expulsão, houve um processo judicial e um julgamento a respeito da legalidade do decreto que previa uma consulta popular que abriria caminho à reeleição de Zelaya. “O juiz deu uma tutela antecipatória suspendendo a eficácia desse decreto, o presidente Zelaya, intimado três vezes não compareceu e, por isso, a decisão da Suprema Corte”. (Da Redação Band)



Publicado por Blog da Santa às 23:26 | | Comentar | ver comentários (4)
|

Presidente (interino) de Honduras, Roberto Micheletti disposto a dialogar com o Presidente deposto, Manuel Zelaya, se este aceitar a organização da eleição presidencial prevista para 29 de Novembro. Zelaya  apoiado, por Chavez e Lula interferindo na soberania de Honduras, não aceita.

 

Medidas de Segurança Nacional são decretadas em Honduras para evitar  agravamento da  “perturbación grave de la paz” com a permanência de Zelaya na embaixada brasileira.

 

Após reinteradas declarações de Lula que não reconhece os direitos constitucionais  do governo interino de Honduras;  que não aceita definir status do ex-presidente Zelaya  denunciado pelo Ministério Público, julgado e deposto pela Suprema Corte e Congresso, hondurenhos,  após posicionamento claro da diplomacia brasileira (nunca antes) interferir nos assuntos internos daquele país, ferindo os ritos  e leis internacionais (Zelaya de forma clandestina na Embaixada Brasileira) o governo de Honduras aplica medidas de Segurança Nacional   - tal qual prevê, prevê os artigos Art. 136 e  Art. 137 na Constituição da República Federativa do Brasil -  em caso de exceção se, a ordem pública ou a paz social [estiverem] ameaçadas por grave e iminente instabilidade institucional :

 

Art. 136. O Presidente da República pode, ouvidos o Conselho da República e o Conselho de Defesa Nacional, decretar estado de defesa para preservar ou prontamente restabelecer, em locais restritos e determinados, a ordem pública ou a paz social ameaçadas por grave e iminente instabilidade institucional ou atingidas por calamidades de grandes proporções na natureza.
§ 1º - O decreto que instituir o estado de defesa determinará o tempo de sua duração, especificará as áreas a serem abrangidas e indicará, nos termos e limites da lei, as medidas coercitivas a vigorarem, dentre as seguintes:
- restrições aos direitos de:
a) reunião, ainda que exercida no seio das associações;
b) sigilo de correspondência;
c) sigilo de comunicação telegráfica e telefônica;
II - ocupação e uso temporário de bens e serviços públicos, na hipótese de calamidade pública, respondendo a União pelos danos e custos decorrentes.
(…)

Art. 137. O Presidente da República pode, ouvidos o Conselho da República e o Conselho de Defesa Nacional, solicitar ao Congresso Nacional autorização para decretar o estado de sítio nos casos de:
I - comoção grave de repercussão nacional ou ocorrência de fatos que comprovem a ineficácia de medida tomada durante o estado de defesa;
II - declaração de estado de guerra ou resposta a agressão armada estrangeira.
Parágrafo único. O Presidente da República, ao solicitar autorização para decretar o estado de sítio ou sua prorrogação, relatará os motivos determinantes do pedido, devendo o Congresso Nacional decidir por maioria absoluta.

Art. 139. Na vigência do estado de sítio decretado com fundamento no art. 137, I, só poderão ser tomadas contra as pessoas as seguintes medidas:
I - obrigação de permanência em localidade determinada;
II - detenção em edifício não destinado a acusados ou condenados por crimes comuns;
III - restrições relativas à inviolabilidade da correspondência, ao sigilo das comunicações, à prestação de informações e à liberdade de imprensa, radiodifusão e televisão, na forma da lei;
IV - suspensão da liberdade de reunião;
V - busca e apreensão em domicílio;
VI - intervenção nas empresas de serviços públicos;
VII - requisição de bens.
Parágrafo único. Não se inclui nas restrições do inciso III a difusão de pronunciamentos de parlamentares efetuados em suas Casas Legislativas, desde que liberada pela respectiva Mesa.

 

As medidas agora tomadas pelo governo de Roberto Micheletti   ao decretar o Art 187 caracterizam Honduras como uma ditadura? Não.  Então o Brasil também prevê a ditadura em sua Constituição. O governo interino editou um decreto conforme sua leis - a Constituição hondurenha:

 

ARTICULO 187- El ejercicio de los derechos establecidos en los artículos 69, 71, 72, 78, 81, 84, 93, 99 y 103, podrán suspenderse en caso de invasión del territorio nacional, perturbación grave de la paz, de epidemia o de cualquier otra calamidad general, por el Presidente de la República, de acuerdo con el Consejo de Ministros, por medio de un Decreto que contendrá:
1. Los motivos que lo justifiquen;
2. La garantía o garantías que se restrinjan;
3. El territorio que afectará la restricción; y,
4. El tiempo que durará ésta.


O fato de as medidas de exceção decretadas pelo governo serem constitucionais, legais — e previstas em qualquer país democrático que vivesse situação semelhante —, não deixa de contribuir para agravar o isolamento do governo interino. Não existe golpe de estado que mantenha, como vem mantendo o governo Micheletti, intocado o arcabouço constitucional. Mesmo as medidas de agora estão amplamente justificadas. Ou alguém negará que o país passa por “perturbación grave de la paz”? AQUI

 

A ficha dos EUA começa a cair e começa a desbancar a loucura lulo-bolivariana

 

Lewis Amselem, representante dos EUA na OEA, classificou de “irresponsável” a volta de Manuel Zelaya a Honduras. “O retorno clandestino de Zelaya, sem um entendimento prévio, é irresponsável e não serve aos interesses do povo hondurenho nem aos que trabalham para o restabelecimento pacífico da ordem democrática em Honduras”, afirmou ele, num claro desembarque da posição que tem sido adotada até agora pelos países latino-americanos, o Brasil em especial. Amselem também advertiu que “que aqueles que facilitaram o regresso de Zelaya têm particular responsabilidade em impedir a violência e assegurar o bem-estar do povo hondurenho”. Em outras palavras, o representante americano está dizendo que o Brasil será um dos responsáveis por qualquer tragédia que ocorra em Honduras.



Publicado por Blog da Santa às 14:04 | | Comentar | ver comentários (3)
|

.

 "Se houver um banho de sangue a imprensa brasileira, além de Lula, Amorim, Hugo Chávez, têm que ser moralmente responsabilizada. Depois eu vou ver como vai ficar a cara dos apresentadores do JN".

 

A Rádio Gaúcha, no Programa Atualidade, saiu mais uma vez em defesa do caudilho-fantoche de Hugo Chávez, Manuel Zelaya e, por via de conseqüência, de Lula e seu ministro porra louca Celso Amorim. O Jornal Nacional, lacaio de longa data do lulismo, repete sem cessar "governo golpista" de Honduras. É claro que isso não é nenhuma novidade - é um cacoete de papagaio.(...) A imprensa brasileira não passa de um berrante monótono, unicórdio, de uma nota só, de cor vermelha. Mas o pior poderá suceder com o povo de Honduras. A situação estava calma e superada depois da insuflação à violência em Honduras feita há dois meses pelo ex-guerrilheiro sandinista, hoje mandando na OEA, José Miguel Insulza, braço direito de Hugo Chávez. Se houver um banho de sangue a imprensa brasileira, além de Lula, Amorim, Hugo Chávez, têm que ser moralmente responsabilizada. Depois eu vou ver como vai ficar a cara dos apresentadores do JN. AQUI

 

Cabeça erguida, Honduras

 

O que está acontecendo é simples: subjugar Honduras é questão de honra para o Foro de São Paulo. Os bolivarianos não vão sossegar enquanto não conquistarem aquele território. Já tentaram diversas manobras. Cortaram programas de cooperação, enviaram agitadores profissionais, montaram circos diplomáticos para constranger as lideranças do país - apoiados por ninguém menos que o socialista chique Barack Hussein, é sempre bom ressaltar. Mas o tempo passa e Honduras resiste ao cerco. De pé, cabeça erguida. E essa marra os bolivarianos (nos governos e nos jornais) não toleram. A prioridade na agenda é destruir a fortaleza. Por Bruno Pontes



Publicado por Blog da Santa às 07:59 | | Comentar | ver comentários (1)
|

"Toffoli muito além do jardim"

 

 A enturmada jornalista Cristiana Lôbo avisa em seu blog que Toffoli, não corre risco de ter sua indicação para Supremo Tribunal Federal rejeitada pelo Senado.

 

Em primeiro lugar, porque o governo tem maioria para votações como essa no Senado e está mobilizado para aprovar a indicação; em segundo, porque a oposição, sabendo que o governo tem os votos, não quer se expor  perante um futuro ministro do STF que deverá ficar por lá por quase 30 anos - Toffoli tem 41 e a aposentadoria compulsória é aos setenta anos.- Quem vai querer brigar com um ministro que vai ficar por 30 anos no Supremo.?...A esta altura, nem governo nem oposição aposta sequer na idéia de dar um susto no futuro ministro do STF, dando-lhe aprovação apertada no Senado.

 

"Brasil: opção preferencial pela ilegalidade - Parte 1
"Após indicação, Toffoli altera currículo na web"

"É o currículo que diz quem é Toffoli, não eu"

"Indicação de Toffoli compromete Lula e desvaloriza Supremo, diz o senador tucano Álvaro Dias".



Publicado por Blog da Santa às 02:03 | | Comentar
|

 

Zelaya, fique à vontade: a casa é mesmo sua

 

Nenhuma surpresa: a enfática reação do Brasil diante do fato consumado de que Zelaya está usando a embaixada como bunker para exortar os hondurenhos à insurreição resumiu-se a um acanhado pedido oficial para que ele "abstenha-se de fazer conclamações e que não ultrapasse os limites já firmados. A progressiva desenvoltura com que o hondurenho vem se comportando e a proporcional condescendência com que vem sendo tratado pelo governo brasileiro permitiram que, ontem, o presidente deposto distribuísse comunicado a jornalistas instando a população de Honduras a "organizar-se para promover atos de desobediência civil contra a ditadura” - coisa que ele sabe muito bem no que pode dar.A tensão em Tegucigalpa é crescente. A presença de soldados, e agora das tropas de choque, diante da embaixada foi reforçada ontem e hoje. O toque de recolher foi estendido para todo o país e prolongado para 12 horas. Amanhã, dia 28, completam-se três meses da deposição de Zelaya e grandes manifestações de rua estão sendo esperadas. O ministro Celso Amorim soube do episódio do comunicado de Zelaya aos hondurenhos assim que chegou ao Brasil, vindo da Venezuela, na noite de ontem. Nem se deu ao trabalho de transmitir ele mesmo ao presidente deposto a resoluta e inapelável mensagem do governo brasileiro. Passou a tarefa para o único diplomata presente na embaixada, o ministro-conselheiro Lineu Pupo de Paula - que, aliás, já havia dito o mesmo ao hondurenho no dia anterior. Zelaya deve estar tremendo de medo.(Por Thaís Oyama,  enviada especial de VEJA a Tegucigalpa)

 

Honduras ameaça retirar status diplomático do Brasil no país

 

Brasil tem 10 dias para decidir destino de presidente deposto. Opções são oferecer asilo no Brasil ou entregar Zelaya às autoridades.  O governo de Honduras anunciou neste domingo (27) que o Brasil poderá perder a Embaixada no país se em 10 dias não decidir o destino do presidente deposto Manuel Zelaya. O governo brasileiro deverá decidir se Zelaya ganhará asilo no Brasil ou irá entregá-lo às autoridades hondurenhas, que querem que ele responda por alguns crimes, incluindo traição. No entanto, o governo hondurenho disse que não tem intenção de invadir a embaixada para prender Zelaya.  Lula, em resposta ao prazo de dez dias dado pelo presidente interino de Honduras, Roberto Micheletti, disse "que não aceita ultimato de um governo golpista". Em entrevista coletiva durante a 2ª Cúpula América do Sul-África (ASA), Lula disse que o deposto líder hondurenho é "o presidente legítimo de Honduras" e que seu status é "hóspede da Embaixada do Brasil" em Tegucigalpa.



Publicado por Blog da Santa às 01:09 |
|

Domingo, 27 de Setembro de 2009

.

Ahmadinejad destila seu ódio para um plenário vazio

 

 Ahmadinejad e a imprudência brasileira

 

É uma prova de que, mesmo em diplomacia, mesmo invocando-se interesses comerciais, há coisas que deveriam ser consideradas inaceitáveis.

 

Como anunciado, o presidente Lula encontrou-se nesta quarta-feira em Nova York com seu colega iraniano, Mahmoud Ahmadinejad. Deu-lhe um caloroso aperto de mão e, em entrevista posterior, disse que “não é constrangimento nenhum” reunir-se com Ahmadinejad, que há alguns dias declarou que o Holocausto é uma “mentira”. Para Lula, o fato de o presidente iraniano negar o Holocausto “é problema dele” e “não compromete as relações com o Brasil”. Lula considera o Irã de Ahmadinejad, alvo de pesadas sanções comerciais e financeiras da comunidade internacional, um “grande sócio”. Felizmente, outros governos não pensam como o de Lula. Durante o discurso de Ahmadinejad na ONU, representantes de vários países se retiraram em protesto. Entre os que manifestaram seu repúdio estava o delegado da Alemanha, justamente o país que arquitetou o Holocausto, a catástrofe humana cuja veracidade foi questionada de modo obsceno pelo iraniano.  AQUI



Publicado por Blog da Santa às 15:51 | | Comentar | ver comentários (2)
|

 

“No podemos permitir retrocesos como el de Honduras”

(El presidente brasileño dio estas declaraciones en un discurso en la instalación de la II cumbre América del Sur-Africa, que se celebra este fin de semana en isla Margarita (norte de Venezuela).

 

Confira aqui nos COMENTÁRIOS

( só não chamaram o presidente do Brasil de 'pão-doce' )

 

Photo - Eitan Abramovich, Cumbre de ASA 



Publicado por Blog da Santa às 04:06 |
|

Manifestante pró-Zelaya chuta o vice-presidente do Congresso de Honduras, Ramón Velasquez. Os protestos no país persistem. Foto Época.

 

Brasil tem dez dias para definir status de Zelaya

 

"nenhum país pode tolerar que uma embaixada estrangeira seja utilizada como base de comando para gerar violência e romper a tranquilidade, como o senhor Zelaya tem feito desde sua entrada em território nacional".

 

O governo brasileiro tem dez dias para definir o status e a situação do presidente hondurenho deposto, Manuel Zelaya, que permanece na embaixada em Tegucigalpa desde segunda-feira. O prazo foi dado na noite de sábado (26) pelo governo de Roberto Micheletti. "Novamente solicitamos ao governo do Brasil que defina o status do senhor Zelaya, dentro de um prazo não maior de dez dias. Se não for assim nos veremos obrigados a tomar medidas adicionais, conforme o direito internacional", anunciou o Ministério de Exteriores do governo, em um comunicado.  O texto ainda diz que "nenhum país pode tolerar que uma embaixada estrangeira seja utilizada como base de comando para gerar violência e romper a tranquilidade, como o senhor Zelaya tem feito desde sua entrada em território nacional".Contudo, o governo de Micheletti mantém a promessa de respeitar a integridade da embaixada brasileira.

 

A verdade sobre o "gás mortal" de Zelaya

 

Ninguém passou mal, vomitou sangue ou urinou sangue por causa dele, como alardeou Zelaya, que hoje chegou a comparar a substância às "duchas de gás nazistas"

 

Lá dentro (da Embaixada brasileira) , com seu chapelão de caubói, o presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, dá entrevistas, faz reuniões, recebe aliados políticos e devora pizzas da cadeia Pizza Hut. Desde que retornou ao país numa viagem patrocinada pelo seu chefe, o venezuelano Hugo Chávez, Zelaya instalou-se na Embaixada do Brasil como se estivesse em casa - mostra-se à vontade demais até mesmo para o enorme espírito de solidariedade bolivariana do chanceler brasileiro Celso Amorim". Os 63 partidários do presidente deposto que se encontram na embaixada estão todos muito bem, obrigado. Tão bem que hoje, (26) depois do almoço, resolveram se juntar para, aproveitando a recém permitida proximidade da imprensa, espalhar cartazes na varanda com frases conclamando a resistência. Só desistiram depois de tomar uma bronca do novo encarregado de (tentar) manter o que resta da autoridade brasileira na embaixada, o ministro-conselheiro Lineu Pupo de Paula...

 

O mistério da máscara assombra o casarão ainda sem nome

 

A primeira é providenciar a certidão de batismo da criatura nascida do cruzamento de Hugo Chávez com mucamas da vizinhança. Como se deve chamar a coisa surgida no lugar onde funcionava a embaixada do Brasil? O nome provisório é Pensão Zelaya. Fica por conta de vocês a escolha do definitivo. A segunda urgência é devendar o mistério que assombra o casarão: por que os acampados deram de usar máscaras cirúrgicas o tempo todo? O gerente diz que, sem o adereço,  a nação já estaria chorando a partida do herói popular e seus 50 voluntários da pátria, todos massacrados pela mistura de gás lacrimogêneo hondurenho e raios mortais disparados por agentes de Israel. Como nem Lula acredita nessa, é preciso descobrir o que está acontecendo. Medo da gripe suína? A falta de banho tornou o ambiente irrespirável? Alguém encontrou na despensa um carregamento de lança-perfume e resolveu antecipar o carnaval? Ou só cobriram parte do rosto para assaltar a pizzaria da esquina? Vocês decidem.



Publicado por Blog da Santa às 02:43 | | Comentar | ver comentários (1)
|

 

 

LULA FALA GROSSO MAS BRASIL NÃO É AMEAÇA

Apesar das advertências do presidente Lula, se a nossa embaixada em Honduras for mesmo invadida por tropas locais, num ato de guerra (coisa que o governo  interino nem cogita), o Brasil só chegaria a Tegucigalpa em algumas semanas, mesmo assim em embarcações de poderio bélico modesto, segundo especialistas em defesa. E correria o risco de perder a batalha. Nosso único porta-aviões, adquirido em segunda mão, está fora de combate.

 

COMO FAZ GENTE GRANDE

Ao ameaçar outros países, os EUA mandam porta-aviões, caças, helicópteros de resgate etc e tropas motivadas, com salários decentes.

 

SEM PROTEÇÃO

A embaixada do Brasil em Honduras tem só um vigia desarmado. A dos EUA em Brasília, que nem mesmo é ameaçada, tem 62 marines.

 

PENSANDO BEM...

...Manuel Zelaya não é bem um asilado político. É, no máximo, um sem-teto.

 

SUGESTÃO

Sugestão ouvida no Congresso: Lula poderia mandar o ministro José Antonio Dias Toffoli negociar a crise em Honduras. Depois ficaria por lá como embaixador. Com comida da Cruz Vermelha.

 

Claudio Humberto



Publicado por Blog da Santa às 01:17 | | Comentar
|

Sábado, 26 de Setembro de 2009

 

Lula disse neste sábado, em seu discurso na 2ª Cúpula América do Sul-África (ASA), que o Conselho de Segurança das Nações Unidas perdeu 'relevância'. Minutos antes da intervenção do presidente brasileiro, o líder líbio, Muamar Khadafi, disse que a situação do conselho é "insustentável".

 

Até então, Lula  tinha jogado todas as "fichas" no Conselho da ONU para  resolver  a lambança que fez em Honduras ao hospedar o "cowboy" Zelaya na embaixada brasileira  e ser responsabilizado pelo caos naquele país. Não conseguiu o que pretendia, além do que cada país integrante do Conselho já tinha se posicionado. A pedido do Brasil, o Conselho de Segurança da ONU se reuniu na sexta-feira e teve a presença do ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim. Ao relatar a situação da representação brasileira em Honduras diante do conselho, Amorim disse ter "indícios concretos" de que a embaixada poderia ser invadida por militares hondurenhos.  Antes da declaração condenando o cerco à embaixada, a embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Susan Rice, que preside o Conselho, teria criticado o tom do discurso do chanceler brasileiro.

 

E Mais:

"Cuidado: Zelaya é que pode ser um gás Tóxico"

"A verdade sobre o "gás mortal" de Zelaya"



Publicado por Blog da Santa às 21:13 | | Comentar
|

BEM VINDOS!
ORKUT

Página da Santa

Comunidade da Santa
 

ACESSOS
POSTS RECENTES

Novo endereço

Até breve!!

QUANTO VALE UM POBRE?

Narcoterroristas da Colôm...

Popular até para os morto...

Atenção! O trem-bala já n...

OS 85 TRIBUTOS COBRADOS N...

Dilma. A mulher "pode" !

Brasil: pós palanque e br...

Lula ressuscita a CPMF pa...

"O pior não é morrer de fome num deserto: é não ter o que comer na Terra Prometida" (José Lins do Rego)
CENSURA NO GOOGLE
SANTA
ARQUIVO

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

MAPA ELEIÇÕES ESTADUAIS
Oposição é campeã na disputa pelos Estados (10 vitórias) contra 4 do partido governista.
BLOGS ESTRANGEIROS
  • A Natureza do Mal (Portugal)
  • Abulafia (México)
  • Abrupto (Portugal)
  • AEA(Portugal)
  • Astrolabio(Chile)
  • Bellxone(França)
  • Blog-sem-filtros(Portugal)
  • Betty Branco(Portugal)
  • COGIR (Portugal)
  • Das Pipi Pausa (Chile)
  • Dispersamente(Portugal)
  • Dra.Daniela Mann(Portugal)
  • El Escarabajo gris
  • Estados Gerais (Portugal)
  • Fado Falado (Portugal)
  • Fases da Lua Cheia (Portugal)
  • Foto Escrita (Portugal)
  • Impressões(Inglaterra)
  • In Mente (Portugal)
  • Kurika (Portugal)
  • Martha Clmares(Venezuela)
  • Menina Marota(Portugal)
  • Mixtu (Espanha)
  • Inquetudes(Espanha)
  • Novo Mundo(Portugal)
  • Nuvolaglia (Peru)
  • O Insurgente(Portugal)
  • Olhos de Órus(Portugal)
  • Os Intensos (USA)
  • Pisconight (Portugal)
  • Sabedoria(Portugal)
  • Ser Rizomático (Espanha)
  • Só Verdades(Portugal)
  • V-P(nieto) (Portugal)
  • Xnem(Barcelona)
  • BLOGS BRASILEIROS
  • A Marvada Pinga
  • A Moita do Moita
  • A Nova Corja
  • A Casa do Zé Carlos
  • As Culturas Reagem
  • Alquimistas do Brasil
  • Abuláfia
  • Arte Incomum
  • Arte de Fazer
  • Arte Popular
  • Apoio Fraterno
  • Abrindo Janelas
  • Alerta Brasil
  • Angelo da Cia
  • Amor Natural
  • Aqui não, Genésio
  • Aparte
  • ArtMonta
  • Arte Pública Blog
  • Bento vai pradentro
  • Boa Temática
  • Blog do Arlan
  • Blog do Carlos Caldas
  • Blog do Clausewitz
  • Blog de Daniel Butzke
  • Blog do Fábio Mayer
  • Blog do Ferra Mula
  • Blog do Hynkel
  • Blog do Joca
  • Blog do Maninho
  • Blog do Tunico
  • Blog do Tunico 2
  • Blog da Juju
  • Blog da Loba
  • Blog da Magui
  • Blog do Patrick
  • Blog da Nariz Gelado
  • Blog do Tambosi
  • Blog do Sombr4
  • Blog do Ozéas
  • Blogs Coligados
  • Blogando Francamente
  • Brazil Liberdade e Democracia
  • Brazil Business
  • Business Opportunites
  • Cadinho Roco
  • Camarada Arcanjo
  • Caótica
  • Cláudia Perrotti
  • Clenira Melo
  • Chega Mais
  • Circo Sem Futuro
  • Contos e Encontros
  • Contos que conto
  • Connaction
  • Coisas Caseiras
  • Contra o Vento
  • Cosmologia: ciência e arte
  • Culturas Híbridas
  • Da indignação à Ação
  • Desabafos do Amor
  • Deu no Jornal
  • Devaneios de Lilith
  • Diplomatizzando
  • Doutro Lado do Mar
  • Eduardo Souza
  • Educa Fórum
  • Equilíbrio
  • Em Outras Palavras
  • Escrevinhações
  • Estórias Essenciais
  • Ex-petista
  • Expectativas Racionais
  • Fabiana Melo
  • Fábio Mayer
  • Falares
  • Fermento Cínico
  • Flor de Lis Branca
  • Giocomo
  • Frodo Balseiro
  • Gazeta Cultural
  • Grupo da Quinta
  • Idéias e Histórias
  • Ilustrada PPG
  • Indecência Verde Amarela
  • Jus Indignatus
  • Kafe Roceiro
  • Lata Mágica
  • Leão Nazareno
  • Leite, Luz e Linha
  • Lesados em Geral
  • Lena Casas Novas
  • Limpa Brasil
  • Lucasivuca
  • MaGenCo
  • Maria B
  • Maria Oliveira
  • Meu Primeiro Bebê
  • Memorial IAC
  • Meus Ditos
  • Mini contos cotidianos
  • Minimínimos
  • Minuto Político
  • Netuno
  • Miolo de Pote
  • Nacionalista
  • Novas - Vera
  • O Copista
  • O País da Piada Pronta
  • O que pensa Aluízio
  • O Carapuceiro
  • Olhos de Marina
  • Outras Letras
  • PT Nunca Mais
  • Palavras ao Leu
  • Pensar Político
  • Pedra Fundamental
  • Pérolas aos Porcos
  • Plenos Pecados
  • Poemas e Amores
  • Porto das Crônicas
  • Por Cuba Livre
  • Por Outro Lado
  • Por um Novo Brasil
  • Pinkart
  • Pobre Pampa
  • Postura Ativa
  • Quintal do Leão
  • Ramses Séc XXI
  • Resistência
  • Rodrigo Constantino
  • Rótulo
  • Serjão comenta do céu
  • Sei.Não.Maga
  • Simpatia e Esculacho
  • Sobesta Blog
  • Soube?
  • Som Barato
  • Star Sasa
  • Toque das Ruas
  • Toca do Calango
  • Toca dos Seis
  • Tubarão
  • Santa do Blog
  • Uni-verso In-verso
  • Vaca Atolada
  • Varal de Idéias
  • Verbi Gratia
  • Vida Nova
  • Vôo Subterrâneo
  • Vox Libre por Antonio Rayol
  • Walter Carrilho
  • Zigue-zagueando
  • Contraditório
  • Jean Scharlau
  • Zé Povo
  • Novembro 2010
    Dom
    Seg
    Ter
    Qua
    Qui
    Sex
    Sab

    1
    2
    3
    4
    5
    6

    7
    8
    9
    13

    16
    17
    18
    20

    21
    22
    23
    24
    26
    27

    28
    29
    30


    Brasileira em Lisboa, Portugal
    blogs SAPO
    tags

    “força aérea

    300

    80 anos de bento xvi

    aeronáutica

    affonso romano

    agência nacional de aviação civil

    água

    alimentação medieval

    alinhamento ideológico

    amarildo

    ancine

    andre desek

    anibal phillot

    animação

    ariano suassuna

    arquitetura

    arsenal

    arte

    arte brasileira contemporânea

    arte contemporânea

    arte pop

    arte pública

    artes visuais

    assalto

    assédio

    assembléia legislativa de perrnambuco

    atendimento aos municípios

    bacanal

    banco do brasil

    bento xvi

    bienal

    bloogueiros portugueses

    bobagens

    bolívia

    boris kossoy

    boris nikoláyevich yeltsin

    brasil

    bruna putistinha

    bruna surfistinha

    caetano veloso

    caetés

    campanha na rede

    cansei

    caos aéreo

    caricatura

    carlos wilson

    cartel

    células-tronco

    cenografia

    censura no brasil

    charge

    christina fontenelle

    cidades

    cinema

    classe média

    clement greenberg

    clodovil

    co-rio

    combater ao crime

    comissão de constituição e justiça do se

    comunicação

    congressistas

    congresso nacional

    conselho nacional de cinema

    controlador de vôo

    corrupção no brasil

    cow parade

    cow parade no brasil

    cpi do apagão

    crime

    crítica de arte

    culinária temática

    curadoria

    cursos

    diogo mainardi

    escultura

    fotografia

    governo

    governo do pt

    governo lula

    humor

    impunidade

    lei rouanet

    literatura

    lula

    mec

    minc

    patrocínio cultural

    poéticas

    política

    política cultural

    política pública

    políticas públicas

    prefeitura são paulo

    pt

    segurança

    turismo

    universidade

    violência

    violência urbana

    todas as tags